11.10.05

Um Jovem Poeta de S.Tomé

Há pouco chegou o correio. E com a conta da água tive a grata surpresa de receber mais um livro da UNEAS. Lembrei-me da Brígida e da sua dedicação imensa a S.Tomé. Por isso, lhe dedico este poema:

Lá vai ele

Na sua senda
Buscando a vida da sua vida
Desta que nunca foi vivida ...

Lá vai ele
Atrás do sol na cerrada noite.


Adilson Pinto, Lágrimas Sem Fim, (S. Tomé e Príncipe, UNEAS, 2005)

1 comentário:

Anónimo disse...

onde posso encontrar livros desse jovem? ja ouvi falar do seu trabalho e ate recentimente lancou outro livro . tenho curiosidades em conhecer sua obra.
meu email.
atylondon@hotmail.com